TQT - Decolonialidades

“Eu sei de onde eu vim
Eu sei pra onde eu vou
Eu vou ali pegar de volta tudo que o ele nos tirou,
Mas eu não vou sozinha não
Convoco todas as bruxas pra fazer revolução.”
(letra da música RETOMADA de Marina Peralta, AfroJess e Katú)
Partindo do debate contracolonial, em que a colonização do pensamento é uma das violências estruturais desde a invasão de Abya Yala, se faz político demarcar nossa cidade enquanto território ancestral. Pensar Cuipataã enquanto parte de uma escala espacial interligada cidade-país-continente, lança rupturas nas formas de pensar hegemônicas. Portanto, a ideia é articular com artistes/fazedorus/pesquisadorus de identidade/ancestralidade preta, indígena, afroameríndia que compõem o espaço do Galpão Cultural - Parque Anilinas para a programação. A atividade ainda está em construção, mas se destrincha por meio da linguagem performativa, na qual as duas horas previstas para a realização dessa TQT, contará com discotecagem, exibição de vídeoperformance, ativamentos síncronos, leitura de textos e demais formas artísticas pensadas dentro do eixo proposto.

Com: JùpiRã Transeunte - Setlist - Imersão Temática
Letícia Cascardi - Colagens - múltiplas obras
Sandy Andrade & JùpïRã Transeunte - Contação de histórias - Conto "Um Lugar de Todos" 
Tamyris O’hanna & Sander Newton - Voduuù Produções - Videoperfomance "Kalunga"

Classificação: 10 anos

retomada já_lebs.png

"RETOMADA JÁ"

águia nativa_lebs.png
sylêncio_lebs.png

Águia Nativa 

Tengwa

curumim do futuro, anuncia o passado_lebs.png
rubro, terra de bananais_lebs.png

Curumim do futuro, anuncia o passado  

Rubro, terra de bananais